Capa » COACHING » PROTEJA-SE DE ARMADILHAS

PROTEJA-SE DE ARMADILHAS

Cuidado para não ser enganado!

Um dos grandes problemas que surgem com o aumento da demanda por um serviço é o aparecimento de empresas e pessoas incapazes de atendê-la com ética, profissionalismo e eficiência. Dessa forma, o Thiago tem como uma de suas premissas, alertar as pessoas quanto às armadilhas comuns no mercado de Coaching no Brasil.

A revista Você RH, da Editora Abril, fez um ALERTA sobre os “emergentes” do Coaching no Brasil, trazendo como matéria de capa a complicada e irresponsável aparição das chamadas “Indústrias de Coaching”.

Na matéria, a repórter Daniela Diniz enfatiza o cuidado que as empresas e pessoas devem ter na hora de procurar por profissionais, e aponta a Sociedade Brasileira de Coaching como uma instituição capaz de controlar, regular e legitimar o processo no Brasil. A vice-presidente da Sociedade Brasileira de Coaching, Flora Victoria, contribuiu com a matéria que fala sobre o cuidado que deve ser tomado para garantir o correto uso e prática do Coaching. O Thiago é formado pela Sociedade Brasileira de Coaching, e amigo do casal, Villela da Matta, fundador e presidente da Sociedade Brasileira de Coaching, e também da sua esposa, Flora Victoria, fundadora e vice-presidente da Sociedade Brasileira de Coaching.


Cuidado com os Coaches sem embasamento teórico, técnico e prático

Com os resultados conquistados com a prática do Coaching, e a alta divulgação do processo em renomados veículos de imprensa especializados, muitos profissionais estão pegando “carona” e se intitulando “Coach”, mas sem qualquer embasamento teórico, técnico e prático, prejudicando a integridade de um processo que é seriamente desempenhado em países como: Inglaterra, Canadá, China, Austrália e Estados Unidos.


Como fugir de pseudoprofissionais?

Você precisa conhecer bem o histórico do Coach que irá atender você e potencializar seus resultados, da sua equipe e/ou sua empresa. Busque por profissionais experientes, que possuam cases de sucesso e que tenham uma formação confiável. A melhor maneira de se obter informações é pesquisando, questionando e perguntando para pessoas que já passaram pelo processo.

Ao contratar um profissional, você precisa ter a certeza de obter total garantia de qualidade e profissionalismo, pois quando falamos em Coaching, falamos de performance humana e excelência pessoal. Esse processo deve potencializar o seu desempenho em diversos aspectos, sejam eles pessoais ou profissionais. Por isso, a qualidade do Coach é uma condição essencial para o seu sucesso.

E claro, lembre-se, um profissional despreparado e inexperiente será incapaz de conduzir você ao resultado almejado, o que poderá gerar insatisfação, desmotivação e perda do investimento empregado.


O cuidado com as falsas certificações e com o falso reconhecimento internacional

Existem centenas de órgãos internacionais criados nos últimos anos para confundir o consumidor e emitir “pseudoatestados” de respaldo e credibilidade. Cuidado! Antes de decidir por um treinamento em determinada instituição ou com determinado profissional, verifique as informações com cautela e responsabilidade, tais como: número de membros credenciados e/ou pessoas atendidas, quais contribuições e credibilidade possuem junto às empresas e ao mercado.

Não se deixe enganar por empresas que utilizam informações que não comprovam sua capacidade e ética para oferecer a formação em Coaching. Pesquise, analise e busque indicações, até sentir-se seguro e confiante para realizar esse investimento.

“Quem investe em conhecimento fajuto, também terá um retorno fajuto.”
Thiago Tombini